Gabarito Enem 2017 – 1º Dia de Prova


  

Confira aqui o Gabarito Extraoficial da Prova do Enem 2017 (1º Dia).

Foi organizado o gabarito da primeira fase do Exame Nacional do Ensino Médio – Enem. A primeira prova realizada, que contou com a participação de mais ou menos 4,3 milhões de jovens candidatos de todo o território nacional, aconteceu no último domingo, dia cinco de novembro, sendo que essa quantidade de pessoas participando pode ser considerada como 70% do total de estudantes que se inscreveram.

O processo seletivo realizou-se em cinco horas e trinta minutos, tempo em que os jovens participantes tiveram para resolver 90 questões versando sobre Linguagens, Códigos e as Tecnologias relacionadas, além de questões sobre Ciências Humanas e sobre as tecnologias relacionadas ao tema. Outra parte da prova consistiu na escrita de uma redação cujo tema foi o seguinte: Os desafios para conquistar a formação educacional de surdos no Brasil.

Assim, já está agendada para o próximo domingo, dia 12 de novembro, a segunda etapa do exame, na qual os participantes terão de resolver questões versando sobre Ciências da Natureza e sobre a disciplina Matemática. A duração desta segunda fase será de quatro horas e trinta minutos. É um tempo mais curto, pois não há redação. De acordo com informações oriundas do Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais, Inep, a divulgação do gabarito oficial será realizada no dia 16 de novembro de 2017. Os professores do Curso e também Colégio Objetivo, trabalharam na elaboração do mesmo gabarito, porém, este é considerado extraoficial, no qual os alunos que participaram das provas podem consultar as respostas. Os interessados podem acessar o site do curso.

Portanto, o resultado definitivo e oficial do processo de seleção Enem está marcado para o mês de janeiro de 2018. A divulgação dos resultados acontecerá próximo da data de abertura das inscrições destinadas ao Sistema de Seleção Unificada, Sisu, que promove seleção de jovens alunos no sentido de encaminhá-los para as instituições públicas de ensino superior, por meio do bom desempenho refletido nas notas conquistadas pelo exame do Enem. Com relação ao resultado das redações, avaliado dentro dos padrões da norma culta e objetividade no texto, o mesmo poderá ser consultado pelos alunos a partir do mês de março, sendo este o mesmo período no qual terão chance de verificar as notas conquistadas em cada uma das matérias realizadas.

A opinião geral entre os professores, sobre a primeira etapa do Enem foi de que o primeiro dia de provas foi muito tenso e o conteúdo das provas foi mais profundo, em relação aos anos anteriores, sendo que, também, o prazo de tempo de resolução das questões tornou-se mais exíguo. O grau de complexidade das provas aprofundou-se, enquanto que o tempo de resolução ficou menor. As matérias estão muito mais diversificadas, embora permaneçam atuais. Assim, foi preciso muita atenção e organização de tempo na avaliação de cada questão, já que, certamente, quem não está acostumado com certames, não conseguiu terminar de responder todas as perguntas da prova a tempo. Este exame exigiu muito mais concentração do que os anteriores.




Entretanto, muitos professores reconheceram positivamente o novo estilo de prova ministrada, que foi organizada em duas etapas que abarcam dois domingos seguidos. A alteração, promovida pelo próprio Ministério da Educação, MEC, foi estruturada depois de intensa pesquisa estatística realizada diretamente com o público, sobre a questão. O resultado é justificável pelo seguinte: deste modo os alunos têm chance de descansar e atualizar-se na outra parte dos conteúdos. É um tempo considerável e justo para a preparação da segunda etapa.

No site Educação Estadão, há mais detalhes com fotos e observações feitas por professores sobre os conteúdos das provas e o desempenho dos alunos. As avaliações levam em conta a atualidade dos temas, a complexidade das questões, o padrão de redação, as referências culturais e educacionais que foram cobradas dos alunos.

O Gabarito Extraoficial da Prova do Enem 2017 pode ser conferido neste link.


Paulo Henrique dos Santos





Postar Comentário